caminhando…

Na última quinta-feira houve duas assembléias na Unicamp. Uma a geral, aberta a todos os estudantes da universidade e outra, mais modesta, destinada aos alunos do Instituto de Geociências. Decidiu-se pelo fim da greve no IG e pela continuação da ocupação da DAC (Diretoria Acadêmica Central). Que eu não creio que vá durar muito mais do que o começo da próxima semana.

A Secretaria de Ensino Superior permanece. Aristodemo Pinotti, ex-reitor da Unicamp, permanece secretário. As três universidades estaduais paulistas permanecem subordinadas a essa secretaria e a seu secretário, juntamente com o Centro Paula Souza, enquanto a FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) vai para outra secretaria – ou seja, permanecem desvinculados ensino, pesquisa e extensão, as três atividades-fim da Universidade: mantém-se a inconstitucionalidade dos decretos do governo do Estado de São Paulo (perante a Constituição Estadual e, também, perante a Constituição Federal) baixados no 1º dia de Janeiro deste ano.

O Movimento Estudantil cumpriu seu papel. Incomodou. Ocupou a reitoria da USP por quase dois meses, paralisou inúmeras unidades nas três universidades, ocupou o prédio da DAC na Unicamp, ocupou muitos prédios dos campi da Unesp pelo interior… Foi apedrejado, foi insultado (“mafaldinhas”, “remelentos”, “vagabundos”, etc., etc.). Penso que seja exagero dizer que sua força é a mesma de épocas anteriores; hoje a barreira criada por muitas pessoas dificulta o diálogo, que é a maior ferramenta de luta do Movimento. É uma barreira cujo aparecimento não pretendo explicar em um blog, em poucas linhas, mas que tornou-se tão forte que mesmo pessoas que passeavam pelos Centros Acadêmicos nos anos mais difíceis da Ditadura Militar, hoje mostram-se céticos em relação a tudo… Desde não procurar ouvir o que os estudantes têm a dizer, até desqualificar esse povo todo.

Há meios de fazer as coisas acontecerem. Não sei se todos os meios me agradaram, mas são meios – e precisam ser entendidos como tal. De análises rasteiras e preconceituosas o Inferno está cheio…

Mas, enfim… Segunda-feira, ao menos no IG da Unicamp, as atividades recomeçam.

Hora de recolher as faixas.

Anúncios

Sobre thiago gonçalves

se tanto.
Esse post foi publicado em la comedie des jours. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s