Qualé?

Tenho duas teorias para explicar o que vem acontecendo já há algumas noites: ou eu ando vendo OVNIs todas essas noites atravessando o pedaço de céu que vejo pela porta da sala; ou os construtores de satélites artificiais resolveram incrementar seus inventos com luzes brilhantes – vermelhas, amarelas, brancas…

Como são pequeninos pontos movimentando-se numa linha reta, com uma velocidade constante, tenho me dado melhor com a idéia de que sejam satélites artificiais travestidos em “estrelas artificiais”. O que, pensando bem, encaixa-se mais propriamente, já que, você se lembra – eu acredito – satélites são corpos celestes que não possuem luz própria.

De qualquer modo, na dúvida, prefiro não apontar para essas, ahm, coisas, com medo de que aquilo que dizia minha falecida avó seja verdadeiro. Uma coisa por noite, para cada uma que eu aponte, uma verruga; em pouco tempo eu estaria irreconhecível.

PS: Não, não são aviões; definitivamente, não são.

Anúncios

Sobre thiago gonçalves

se tanto.
Esse post foi publicado em la comedie des jours. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s