Arquivo do mês: dezembro 2004

Sobre uma Infinita Saudade

Uma bolinha de gude no horizonte, amarela e vermelha até um certo ponto, depois alaranjada – uma nuvem passando na sua frente -, mais alguns minutos e ficou cor-de-rosa, um fúcsia muito intenso. Me lembro de ter brincado muito quando … Continuar lendo

Publicado em dos pequenos devaneios, la comedie des jours | Deixe um comentário

Por um ano novo alvissareiro

Não gosto de fazer retrospectivas, por um motivo muito simples: eu acabo ficando com muito medo, quase um pavor, do ano que está nascendo. Porque eu tenho uma péssima memória, muita gente sabe disso, então sou obrigado a ficar forçando … Continuar lendo

Publicado em la comedie des jours | Deixe um comentário

Assisti ontem um espetáculo no qual seis músicos f…

Assisti ontem um espetáculo no qual seis músicos franceses, em sua maioria, não que realmente todos eles fizessem biquinho para desejar boa noite à platéia – bonne nuit, bonne nuit! -, tocavam as mais variadas músicas em seus seis contra-baixos … Continuar lendo

Publicado em la comedie des jours | Deixe um comentário

Oh Captain! My Captain!*

Não me lembro exatamente de como levantei do sofá depois da primeira vez em que assisti “Sociedade dos Poetas Mortos”. Muito mais por uma questão de péssima memória, do que pelo fato irreal de o filme não ter me impressionado. … Continuar lendo

Publicado em la comedie des jours, recomendações do tio | Deixe um comentário

Calor e ódio caminham juntos.

E caminhava junto com eles um homem já desfeito de maiores vaidades e verdades. Usava uma roupa que saira de moda há muito tempo, se é que um dia estivera. Carregava na mão a navalha com que cortara o pescoço … Continuar lendo

Publicado em dos pequenos devaneios | Deixe um comentário

Folhas secas

Tenho lido, visto e ouvido algumas coisas interessantes nesses últimos dias. As duas últimas semanas foram embaladas – em grande parte – por músicas clássicas que encontrei numa coleção antiga de CDs de minha mãe. Varia bastante, e vai desde … Continuar lendo

Publicado em la comedie des jours, recomendações do tio | Deixe um comentário

Dúvida que me corrói o ser.

Daí que tem o Marco Aurélio. E ele está lançando um livro, junto com a Daniela. E o lançamento é sábado. Vai um monte de gente que eu conheço e de quem gosto. Eu tenho carta de motorista e sou … Continuar lendo

Publicado em la comedie des jours | Deixe um comentário